Camila Cabello desmente que anunciou a saída do Fifth Harmony por assessores e grupo responde

Cantora afirma que conversou pessoalmente com as companheiras; quarteto diz que nunca discutiram a situação

Camila Cabello escreveu em uma declaração, divulgada na tarde de ontem (19), que ficou "chocada" com o anúncio feito pelo Fifth Harmony sobre sua saída, que segundo a cantora foi liberado sem o seu consentimento.

"As garotas estavam a par de meus sentimentos através das longas, necessárias discussões sobre o futuro que tínhamos durante a turnê", escreveu a morena em um longo texto. "Dizer que eu as informei através de meus representantes que estava 'saindo do grupo' simplesmente não é verdade. (...) Eu não planejei encerrar minhas atividades com o Fifth Harmony desta maneira. Desejo tudo de melhor para elas, todo o sucesso do mundo e felicidade verdadeira".

A morena completou que passará o próximo ano trabalho em seu primeiro álbum solo, e que dará aos fãs "um grande pedaço" de seu coração. "Sempre serei grata às oportunidades incríveis que esse grupo me deu", completou a artista.

Por sua vez, o Fifth Harmony também publicou um longo texto - desta vez, para defender o anúncio original. Segundo a declaração, divulgada nas redes sociais de todas as integrantes, o grupo passou o último ano tentando conversar sobre o assunto, definir o futuro do quinteto, e até marcar sessões de terapia de grupo - em todos os casos, Cabello teria se recusado a participar de tudo o que foi proposto.

"No meio de novembro fomos informadas através de seu empresário que Camila estava de saída. Naquele dia, eles disseram que o dia 18 de dezembro marcaria a última apresentação dela com o Fifth Harmony", diz a declaração. "Ficamos realmente magoadas".

"Ver Camila se afastar deste mundo especial que criamos com vocês é difícil, mas vamos seguir em frente juntos. (...) Nós quatro reconhecemos que seríamos NADA sem o Fifth Harmony, e continuaremos a honrar isto", completa o texto. "Agradecemos a vocês, os harmonizers, por permitirem que façamos isto".

Categoria:Últimas notícias

Deixe seu Comentário